Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

No comando: MADRUGADA ATIVA

Das 00:00 às 03:59

No comando: PERDIDOS NA MADRUGADA

Das 00:00 às 05:59

No comando: MADRUGADA ATIVA

Das 00:00 às 05:59

No comando: SERTÃO CABOCLO

Das 04:00 às 05:59

No comando: CLÁSSICOS DO REI

Das 06:00 às 06:59

No comando: PROGRAMAÇÃO MUSICAL

Das 06:00 às 07:59

No comando: MANHÃ SERTANEJA

Das 06:00 às 07:59

No comando: DOMINGO ALEGRIA

Das 07:00 às 11:59

No comando: BOM DIA SÃO JOSÉ

Das 08:00 às 09:59

No comando: SE LIGA AÍ

Das 08:00 às 10:59

No comando: PROGRAMA ÂNGELA GUERRA

Das 10:00 às 10:59

No comando: ATIVA EM FOCO

Das 11:00 às 11:59

No comando: SÁBADO TOTAL

Das 11:00 às 15:59

No comando: HOT MIX

Das 11:00 às 15:59

No comando: PAGONEJO

Das 12:00 às 13:59

No comando: HOT MIX

Das 12:00 às 15:59

No comando: ESPECIAL DO ARTISTA

Das 14:00 às 14:59

No comando: PROGRAMAÇÃO MUSICAL

Das 15:00 às 16:59

No comando: ATIVA EM DESTAQUE

Das 16:00 às 16:59

No comando: TARDE SHOW

Das 16:00 às 17:59

No comando: CONEXÃO ATIVA

Das 16:00 às 18:59

No comando: TARDE SHOW

Das 17:00 às 17:59

No comando: CONEXÃO BR

Das 17:00 às 20:59

No comando: TOP 10

Das 18:00 às 18:59

No comando: A VOZ DO BRASIL

Das 19:00 às 19h59

No comando: MADE IN BRAZIL

Das 19:00 às 20:59

No comando: MOMENTO DO ESPORTE

Das 20:00 às 20:29

No comando: ZONA LIVRE

Das 20:30 às 21:59

No comando: GÁS TOTAL

Das 21:00 às 21:59

No comando: 80KM POR HORA

Das 21:00 às 23h59

No comando: PAINEL FLASHBACK

Das 22:00 às 22:59

No comando: ON LINE MUSICAL

Das 22:00 às 23:59

No comando: AMNEZIA

Das 22:00 às 23h59

No comando: SONGS OF LOVE

Das 23:00 às 23:59

Menu

Eleições 2020: Obras iniciadas antes do dia 14 de agosto podem continuar nos municípios

Desde o dia 15 de agosto os municípios não podem mais dar início as obras até passar o período eleitoral. A data corresponde ao último dia antes da interrupção do repasse de recursos do Tesouro do Estado aos municípios durante os três meses que antecedem a corrida eleitoral.

Além da transferência de verba pública, desde esta data, agentes públicos de todo o país estão proibidos de praticar uma série de condutas que poderiam, de acordo com a legislação eleitoral, afetar a igualdade de oportunidades entre candidatos na disputa eleitoral.

Segundo com o advogado especialista em direito eleitoral, Rafael Moreira, alguns políticos podem ter a candidatura cassada por utilizar esses recursos de forma indevida.

“A intenção da legislação é exatamente essa, é criar uma igualdade e vedar que o agente público utilize essas obras como uma vantagem eleitoral. A legislação e tanto os tribunais já cassaram alguns prefeitos, até governadores que fazem esse repasse indevidamente”.

No Paraná as obras continuam no mesmo ritmo anterior a pandemia, segundo o governo. Para o analista político Matheus Antam, é aí que os candidatos a prefeitos costumam achar outra brecha para agregar as obras a campanha eleitoral.

“A lei proíbe desde o dia 15 de agosto a participação dos prefeitos em inaugurações, mas é permitida a presença deles nas fiscalizações das obras. E é aí que eles aproveitam para capitalizar politicamente”.

O período restritivo, que teria início no dia 4 de julho deste ano, foi alterado em consequência das restrições impostas pela pandemia do coronavírus.

Fonte: Brasil Notícias

Deixe seu comentário:

Curta no social