Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Problema em escada rolante no metrô da Estácio causa confusão e deixa feridos no RJ

Um problema na escada rolante na Estação do metrô Estácio causou uma confusão generalizada, na manhã desta sexta-feira (20). O Corpo de Bombeiros e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) atuaram no local. Ao todo, 29 vítimas foram socorridas e encaminhadas a três hospitais da capital.

Quatro mulheres foram atendidas pelo Corpo de Bombeiros e levadas para o Hospital Municipal Souza Aguiar, no Centro do Rio, com escoriações leves. Elas foram identificadas como Kely G. Coutinho, de 22 anos; Maria de Fátima M. Barreto, de 70 anos; Patrícia C. dos Santos, de 49 anos; e Maria Simone M. Gonçalves, de 72 anos. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Patrícia e Maria Simone foram atendidas e liberadas. Maria de Fátima tem quadro de saúde estável.

O Samu informou que quatro ambulâncias e duas motolâncias prestaram atendimento no local. Foram 25 pessoas encaminhadas aos hospitais municipais Miguel Couto, no Leblon, na Zona Sul, e Salgado Filho, no Méier, na Zona Norte. Apesar de passageiros relatarem problemas na escada e o MetrôRio ter informado, antes, falha no equipamento, a concessionária voltou atrás e informou, em nova atualização, que o aparelho foi “minuciosamente inspecionado e que não houve falhas no seu funcionamento”. Disse ainda que, até o momento, a informação é de que passageiros tentaram descer pela escada rolante que estava subindo, o que teria causado o tumulto e as quedas. O MetrôRio afirmou que prestou atendimento e suporte aos clientes.

A Estação Estácio faz a transferência entre as Linhas 1 e 2 aos sábados, domingos e feriados. A concessionária explicou que isso acontece devido ao reforço nas manutenções realizadas nos trens durante esses dias, já que a conexão direta entre Pavuna e Botafogo demanda um número maior do transporte em circulação.

O Quartel Central do Corpo de Bombeiros foi acionado às 8h30 e encaminhou duas ambulâncias para a estação. A confusão fez com que algumas pessoas passassem mal. Agentes do 4º BPM (São Cristóvão) também foram ao local. Alguns passageiros relataram o desespero e registraram a movimentação. No caos, algumas pessoas pensaram até que fosse arrastão, agravando a desordem e gerando pânico.

Em um dos relatos, uma passageira grava a movimentação. Nas imagens, é possível ver uma pessoa sentada em uma cadeira de rodas com o joelho enfaixado, e uma outra deitada no chão sendo socorrida por alguns passageiros. Outros estão sentados no chão. Além disso, é possível ver algumas poças de sangue no local. Em outro vídeo, algumas vítimas aparecem sendo socorridas e postas sobre macas.

Fonte: O Dia

Deixe seu comentário:

BAIXE O APP DA ATIVA

LOJA BRAZILINE

Curta no Facebook

Curta no social